14 de Janeiro de 2021

Ministro japonês admite incerteza, mas que Olimpíadas podem acontecer de 'qualquer jeito'

Ministro japonês admite incerteza, mas que Olimpíadas podem acontecer de 'qualquer jeito'

Diante do aumento de casos de Covid-19 no Japão, o ministro da Reforma Administrativa e Regulatória, Taro Kono, admitiu incerteza em relação aos Jogos Olímpicos de Tóquio, que foram remarcados para acontecer entre os dias 23 de julho e 5 de agosto de 2021. No entanto, um cancelamento não está nos planos do governo que vai realizar o evento de "qualquer maneira".
 
"Precisamos fazer o melhor que pudermos para nos preparar para os Jogos neste momento, mas podemos ir de qualquer maneira. Tudo é possível, mas, como anfitriões dos Jogos, precisamos fazer tudo que pudermos, para que, quando for um "Vai!", possamos ter uma boa Olimpíada. O Comitê Olímpico deve estar pensando em um Plano B, um Plano C. Mas a situação não é fácil", afirmou em entrevista à agência de notícias "Reuters".
 
Cidade-sede dos Jogos Olímpicos, Tóquio tem registrado números recordes de contágio da Covid-19. Nesta quinta-feira (14), os novos casos da doença ultrapassaram a marca de 1.500, de acordo com a emissora pública "NHK". Na véspera, o governo ampliou o estado de emergência que vai além da região da capital japonesa.
 
Diante deste cenário ainda pandêmico, a população do país tem diminuído cada vez mais o apoio à realização do evento. Uma pesquisa feita nesta semana, 77% dos entrevistados acreditam que as disputas deveriam ser novamente adiadas ou canceladas. Por outro lado, o primeiro-ministro Yoshihide Suga segue firme no trabalho para viabilizar o evento e que o planejamento está "indo a todo vapor".
 
Para que os Jogos Olímpicos aconteçam a partir do dia 23 de julho, o Japão precisa reduzir a rigidez do controle de imigração no país. Além disso, o Comitê Organizador de Tóquio 2020 deve anunciar em fevereiro ou março se o evento será disputado com a presença de público.


Tags Relacionadas

ministro, japonês, admite, incerteza, mas, que, olimpíadas, podem, acontecer, qualquer, jeito,

Últimas notícias